'Soares em São Paulo'

Não rendeu grandes parangonas a passagem de Mário Soares por São Paulo. Não se percebe aínda qual a razão da visita. De qualquer modo lá se encontrou com FHC e numa entrevista à Folha deixou escapar o modo como vê o trabalho da imprensa quando esta não lhe é dócil a si ou aos seus ("Eu também tenho dito que o Brasil e o presidente Lula não mereciam isso que está a passar, essa doentia especulação acerca dos problemas da corrupção"). Soares está (muito mal) habituado a um jornalismo paroquial que, mesmo depois de Emaudio, Rui Mateus, Melancia, Irangate e quejandos lhes terem sido atirados à cara, deixa-se aínda afagar pela veneranda figura a troco de inimagináveis benesses.

Soares visitou aínda a Portuguesa dos Desportos, popular clube da comunidade portuguesa em São Paulo que disputa neste momento o regresso à primeira divisão. Segundo reporta o Estado de São Paulo, na quarta-feira o presidente da Lusa, Manuel da Lupa, não se mostrava muito entusiasmado com a recepção: “É só uma visita de cortesia. Tem muita gente da colônia que não gosta dele por ser de um determinado partido político. Eu nem ligo para isso, mas será só uma visita de cortesia”. Apesar disso, outros membros da direcção do clube insistiram para que Soares viajasse com a equipa ao interior do estado, na noite de ontem, para assistir ao Marília-Portuguesa, importante jogo da fase final do campeonato. Não temos notícia se Soares aceitou o convite. A Lusa perdeu.

do Gândavo

Publicado por Manuel 11:18:00  

3 Comments:

  1. josé said...
    A corrupção para Mário Soares nunca foi um problema.

    Desconfio até que ele subscreve a opinião de um Mota de Campos, advogado fiscalista de renome que em público disse que nunca tiha visto nada dessa tal corrupção que toa a gente fala. Diga-se que o dito cujo trabalha num dos escritório de advogados mais importantes do país. Daqqueles que o Estado deve consultar sempre que há negócios chorudos pela frente...
    É preciso ter lata!

    O Mário Soares visitou o Bettino Craxi quando este se encontrava fugido à justiça do seu país que o conedou por várias vezes a penas de prisão pesadíssimas, por...corrupção, exactamente. Aposto que Mario Soares ainda continua a dizer que Craxi estava inocente. Tal como Marcelo Curto da Guarda o diz, apesar de cumprir pena de prisão por...corrupção!

    Mário Soares ainda disse sobre Helmutt Khol coisas extraordinárias quando este foi apanhado com a boca na botija dos marcos que o seu partido aceitou de fontes inomináveis.
    FOi processado e condenado numa coima, mas Mário Soares indignou-se por escrito porque tal não se faz ao herói da reunificação alemã!

    Mário Soares é da escola de Mitterrand, a dos segredos d´État e que diferencia os cidadãos entre quem detém o poder e quem é espezinhado por ele.

    A propósito da ética de Mário Soares, Santana Lopes foi muito concreto e preciso. Disse numa entrevista que o SOares lhe tinha dito que em política, para alguém se safar, o que é preciso é fazer como os gatos: fazer ( merda, por supuesto) e tapar logo!

    Estão aqui algumas razões para ão votar em Mário Soares e estão aqui também algumas razões para as quais a generalidade das pessoas que votou nele se estão realmente a c****, como dizia outro apaniguado finório sobre o segredo de justiça
    Fernando Oliveira Martins said...
    Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
    Fernando Oliveira Martins said...
    O que eu gostei da excursão ao Brasil foi a noção que o Mário tinha da idade mínima para se ser Presidente - exactamente 33 anos - a idade suposta do Cristo morto ou o derradeiro grau dos "Filhos da Viúva"...?

    Quando a cabeça não tem juizo...

Post a Comment