As FPs/25 nunca foram a Espanha, os GAL recrutaram elementos no Burundi, Camarate foi um acidente, Portugal não enviou armas para o Irão

Gabinete Coordenador de Segurança sem informações sobre presença da ETA em Portugal

O responsável pelo Gabinete Coordenador de Segurança garantiu hoje que, até ao momento, não existem dados que "confiram credibilidade" às notícias avançadas ontem sobre a possível presença da organização terrorista basca ETA em Portugal. "Pelo menos até ao momento, não dispomos de qualquer informação que confira qualquer credibilidade ao que foi dito na imprensa espanhola e que agora está a ter eco em Portugal", afirmou o general Leonel Carvalho, secretário-geral do Gabinete Coordenador de Segurança, órgão dependente do Ministério da Administração Interna.

O general Leonel Carvalho sublinhou que, "historicamente", as notícias sobre a alegada presença da ETA em território nacional "não fazem sentido". "A ETA nunca teve, nunca demonstrou qualquer interesse em Portugal. Seria uma novidade, não temos qualquer indicação de uma mudança de procedimento", referiu.

Esta informação surge depois de o PSD e o CDS-PP terem exigido ao Governo explicações públicas sobre o assunto, após as notícias de ontem da imprensa espanhola. Os serviços secretos espanhóis avisaram as autoridades portuguesas de que o grupo terrorista ETA pode estar a utilizar o território nacional para negociar com redes internacionais de tráfico de armas. Segundo a agência de notícias espanhola Europa Press, "a ETA terá mantido em Portugal contactos bem sucedidos com redes de tráfico de armas, além de ter criado bases de recuo em território português, que serviriam para apoio logístico dos comandos operacionais".

Público - Última Hora

Publicado por Carlos 20:11:00  

2 Comments:

  1. lv said...
    e o psd e o pp quando estiveram no governo nao deram por nada? agora querem explicaçoes sobre o que se passa eventualmente há anos? it's amazing!
    joshua said...
    antes do 11M também se falou em Espanha da ETA e da apreensão de explosivos. Estarão os nossos SS e dos nossos queridos aliados a preparar um "atentado terrorista" em Portugal?

Post a Comment