Decisão de secretário de estado abre precedente na aposentação antes dos 65

Todo e qualquer cidadão cansado de trabalhar e desesperado pelo recém prolongamento da vida activa, ao dirigir-se a um órgão de soberania sem o decoro e a dignidade devidos - por exemplo acusando publicamente um político de num despacho dar largas à sua veia estalinista -, terá a garantia constitucional de ser compulsivamente aposentado, sem discriminação de sexo, idade, raça, etnia, religião ou profissão?

Publicado por Nino 19:15:00  

10 Comments:

  1. Fernando Martins said...
    Eu tenho uns colegas (professores) que, tendo chegado aos 60 anos e aos limites das forças e da razão, estão a pensar nessa hipótese...
    Augusto martins said...
    Pena é que ninguém tenha reformado compulsivamente e em devido tempo, toda a nossa impoluta classe política, a quem as leis (por eles cozinhadas, no intuito suposto da justiça social) deste país agraciam diáriamente com reformas vindas de "trabalhos" de que nem eles se lembram bem que exerceram. Lá diz o bom povo: "a uns morre-le as bacas, a outros pare-le os bois". Este continua a ser o tempo em que (agora outros)os senhores têm lugar resevado nos bancos (devidamente identificados) da frente das igrejas. Afinal, nada mudou em Abril.
    Pedro Ferreira, Visconde de Cunhaú said...
    Com o andar da carruagem não me admirava nada que um dia destes, uma coisa destas acontecesse!
    zezepovinho said...
    Sem piada nenhuma.
    zezepovinho said...
    Anedota que não interessa nem ao menino jesus.
    Meia Nau said...
    Na Lei de Protocolo de Estado - a aguardar promulgação pelo PR - os juízes de direito surgem atrás dos chefes de gabinete dos membros do Governo... não haverá ninguém que se insurja contra mais este atentado à dignidade do poder judicial?????
    João Moita said...
    É um corpo muito grande e um lençol muito curto... Ou a cabeça ou os pés têm de apanhar frio.
    naoseiquenome usar said...
    Quem no 25 de Abril foi considerado fascista, a 25 de Novembro foi considerado comunista... E assim continuamos em dualidades perigosas. Quem quer saber da verdade?
    sniper said...
    naoseiquenome usar, essa é boa!!! Eu gostaria de saber a verdade.....
    Isabel Magalhães said...
    a notícia já tem algum tempo mas convenhamos que continua pertinente! :lol:

Post a Comment