determinação

Num ponto há que tirar o chapéu aos indignados muçulmanos, pelo menos eles acreditam, e respeitam, alguma coisa. Não é deste mundo, mas é um começo. No Ocidente, ao que parece, uma boa parte da inteligentzia não acredita rigorosamente em nada, deste mundo ou do outro, nem sequer nas bases da nossa própria civilização - liberdade, respeito, tolerância. Do conforto das suas poltronas os nossos intelectuaizinhos dão tudo como garantido. Esquecem-se que somos hoje uma aldeia global, e que no fim ganhará quem tiver mais determinação. Estamos conversados.

Publicado por Manuel 03:18:00  

3 Comments:

  1. MBSilva said...
    Subscrevo inteiramente a sua opinião!
    Vive-se uma "crise" de princípios e convicções no mundo Ocidental.

    O que não quer dizer que a crença e respeito por "algo", justifique qualquer acto de violência como os que temos assistido! Nessa parte condeno os comportamentos demonstrados...
    naoseiquenome usar said...
    Ora bolas para tão desenfreada "determinação" meu querido Manel!
    Ricardo Francisco said...
    Hoje os princípios e valores são diferentes. Tolerância e liberdade de expressão, neste caso de imprensa, por exemplo.

    Agora, vamos lutar por esses direitos e valores ou não? Parece-me que sim...

Post a Comment