uma nota

Há não muito tempo atrás, António Duarte e Marco Ferreira, publicaram aqui, nesta Loja, e em stéreo no Expresso, não só crítico em relação à opção pelo aeroporto da Ota, mas com uma solução alternativa, mais sensata, viável, e infinitamente mais barata. O artigo entitulava-se ''Ota é um erro histórico" e praticamente ninguém ligou, até ontem. Espera-se que agora, exactamente 2 meses e um dia depois, que o Eng. Belmiro de Azevedo, que ao contrário dos 'anónimos' autores do texto toda a gente conhece,veio defender precisamente a mesma tese, vide a entrevista ao Diga Lá Excelência transcrita hoje no Público, esta seja levada um 'bocadinho' mais a sério. Estamos, afinal, a falar de um desperdício potencial de 5 000 milhões de euros.

Publicado por Manuel 15:57:00  

2 Comments:

  1. zezepovinho said...
    O Belmiro diz algumas coisas acertadas, mas creio que neste caso do aeroporto disse palpites sem qualquer fundamentação, nem técnica nem económica. Embora se compreenda que queira valorizar o aeroporto Sá Carneiro, do Porto.
    As teses dele e do António Duarte já foram refutadas por vários técnicos dessa área.
    josé said...
    Está a ver?! Assim, tem pouca piada..."Deixemo-nos de fofoquices..." isso é que era!

Post a Comment