com estas acções e estas palavras [aprovação dos casamentos gay em espanha], zapatero colocou-se na vanguarda da civilização -- como todos os que se opõem a estas acções e palavras, de bin laden a bento xvi, passando por todos grunhos e grunhas do planeta, se remetem à barbárie.

Fernanda Câncio

E aqui está a vanguarda do discurso da 'nova esquerda', tão intolerante, radical, odioso e monocromático, como o dos piores fundamentalistas. [não está especialmente em causa a temática dos casamentos gay mas apenas a extraordinária imbecilidade da argumentação usada, aliás do tipo "either with us, either against mankind"...]

Publicado por Manuel 14:26:00  

4 Comments:

  1. Anónimo said...
    La Real Academia de Jurisprudencia y Legislación ha declarado que el mal llamado matrimonio homosexual es nulo de pleno derecho e inconstitucional. Y yo, añado lo siguiente: pichota no c..? Nao, é pecado. Al respecto, que la señora Cancio vea el Fotoblog humoristico español Antizopilote.Tk.
    O Sexo e a Cidália said...
    Caro Manuel, sabia que a Câncio é a namorada do Sócrates? Imagine que interessantes devem ser os diálogos deles na cama.... A avaliar por este naco...
    Anónimo said...
    Afinal os problemas do mundo têm uma solução fácil!

    Está o ocidente a gastar milhões com os famintos de Africa e afinal basta que eles aprovem o casamento dos paneleiros e entram na vanguarda da civilização. Se estão na vanguarda da civilização então não têm fome!
    Pedro M said...
    Quem leu Otto Weininger?

Post a Comment