A hora da Verdade ou um polígrafo avariado...

actualizado às 23.30

As últimas horas tem-se revelado verdadeiros testes à capacidade, vulgo estômago, de cada um, sobretudo daqueles que ainda acreditam que todas as notícias vindas a público não podem passar de polígrafos avariados.

Assim, é mentira que para Ministro da Justiça tenha sido convidado o advogado de Paulo Portas no caso Moderna, ex-bastonário da Ordem dos Advogados, Pires de Lima. Também é mentira que tal solução tenha sido encontrada depois de a solução Fernando Negrão ter sido "vetada" (!) por Adelino Salvado que se terá recusado a ser chefiado por um juíz de primeira instância. É ainda mais mentira que por causa das mentiras anteriores Negrão vá afinal para a Administração Interna.

É igualmente mentira que para Ministro das Finanças, tenha sido convidado Miguel Cadilhe o qual ainda ambiciona acumular o cargo com a pasta da Economia, mas não digam nada ao Mexia porque é mentira....

É igualmente mentira que, durante do dia hoje, António Capucho tenha sido convidado por Pedro Santana Lopes para assumir a pasta dos Assuntos Parlamentares e tenha recusado..

Publicado por António Duarte 21:36:00  

1 Comment:

  1. Pinto Nogueira said...
    Estou por tudo. É tudo igual.

Post a Comment