Um pouco mais de pudor não ficava nada mal

Vital Moreira, anda muito preocupado com o problema do BCP e com os seus pobres accionistas, por causa da alienação da participação que este banco - privado, note-se bem- tinha na empresa monopolista de Estado, EDP. É sumamente enternecedora, a menção às falhas regulatórias, das entidades zeladoras, por causa deste assunto tão candente para a preocupação do zelador... da EDP.

Vital Moreira, como devem saber, é membro do Conselho Geral e de Supervisão desta empresa energética portuguesa, desde 2006. Aí ficará, pelo menos até 2008. Este órgão social da EDP, tem um papel importante na fiscalização do seu funcionamento.

Por exemplo, que acha Vital Moreira dos vencimentos do pessoal que administra a empresa e outras adjacentes, como a REN? Segundo elementos recolhidos por aqui, em 2006, era assim:

1 Presidente (José Penedos)
4 Vogais (Vítor Baptista, Aníbal Santos, Henrique Gomes e Soares de Pinho)
Remunerações (anuais) do Presidente :
"Venc.base" 272 658
Plano comp. de reforma 45 443
Subs.alimentação 2 238
Desp.representação 8 529
Total geral = 328 868 (Euros)
Média mensal = 27 405 (Euros) «» 5 495 contos !
Remunerações (anuais ) de cada um dos 4 Vogais):
"Venc.base" 172 205
Plano comp.de reforma 28 701
Subs.alimentação 2 238
Desp.representação 8 529
Total geral = 211 673 (Euros)

Mais ainda:
Quanto ganha Vital Moreira, - se é que ganha- pelo cargo social que exerce? É que não há qualquer referência a vencimentos concretos, no sítio da EDP, no que se refere a estes indivíduos... E devia, não acham?

Nota: tinha escrito aqui que Santana Lopes, fora contratado em 2006, como assessor jurídico, por Mexia, e a ganhar 10 mil euros por mês. Não é verdade, segundo indica o comentador Gabriel. No entanto, a informação circula na Rede, livremente, o que só pode constituir um caso de ofensa à honra de, pelo menos, duas pessoas. Não percebo como é que alguém, depois de se saber que uma informação destas, é falsa, continua a manter nos sítios aquilo que escreveu.
Pela minha parte peço desculpa aos visados, pela reprodução desta falsidade, durante uns bons minutos.
E não me importaria nada de pedir desculpa pelo resto se tal se revelasse falso, também. Até preferia, porque o intuito não é ofender, mas ripostar a quem usa o espaço da Rede para propaganda política, divulgação de ideias de combate político éticamente sui generis e enviesamento de opiniões para levar água ao moinho do poder.

Publicado por josé 22:33:00  

9 Comments:

  1. Gabriel said...
    José,
    A noticia da contratação de Pedro Santana Lopes foi na altura desmentida pelo António Mexia e pelo próprio PSL.
    josé said...
    Então vou retirar e pedir desculpa. Obrigado pela informação.
    Nuno Nasoni said...
    Desculpe, mas o que tem a REN a ver com a EDP?
    Nuno Nasoni
    josé said...
    Absolutamente nada, como toda a gente sabe.
    Nuno Nasoni said...
    Portanto, tendo a EDP 5% da REN, qual o papel do Conselho Geral e de Supervisão da EDP na definição dos salários dos gestores da REN?
    josé said...
    As preocupações selectivas de Vital, poderiam ser apontadas de outro modo.

    Se indiquei a REN poderia ter indicado os próprios órgãos sociais da EDP. Quer que o faça?
    É só uma questão de abrir o PDF com as contas do ano de 2006 e verificar por exemplo que Vital detém cerca de 24 mil acções dessa empresa monopolista do Estado. Mas não poderia indicar o vencimento dos membros dos órgãos sociais, porque não constam aí desse pdf extenso. E deveriam não acha?

    Ou acha que o facto de haver uma comissão de vencimentos ( composta por pessoas com nome interessante), será suficiente para fazer o Conselho de Supervisão, lavar as mãos dessa questão, como Pilatos?

    Acha que sim?


    Tanto ainda como o facto de Vital Moreira, na qualidade de professor universitário, obter patrocínios da ERSE para a sua Associação privada sem intuito lucrativo que se chama CEDIPRE e funciona na Universidade pública, através de protocolo publicamente desconhecido, com a mesma universidade.

    Portanto esta preocupação com o facto de o BCP ter alienado a participação na EDP, é deveras interessante e curiosa.

    Mas V. recusa-se a apanhar o cerne da questão, não é?
    Nuno Nasoni said...
    Para mim, o cerne da questão é justamente o que escreveu no comentário - e não o que está no post, onde o tiro saiu ao lado.
    josé said...
    Talvez tenha razão. Mas o resto, fica para depois. Não perde pela demora, mas agora tenho que fazer outras coisas.
    naoseiquenome usar said...
    (sem ler o postal)
    ... Nesta altura impõe-se por tradição que desejemos boas festas.
    Sabemos da hipocrisia reinante.
    Mas a verdade é que ainda que marcado pelo calendário, nesta época a receptividade aos outros aumenta.
    Se pudermos sonhar mais um pouco, ter fantasias, acreditar no Pai Natal...seremos um pouco mais felizes nesta efemeridade.

    Boas Festas ou SANTO NATAL!

Post a Comment