as coisas são o que são

O PSD, emCongresso, prepara-se para votar as directas, alegadamente para garantir uma maior democraticidade e democracia internas. Pelo sim, pelo não, a votação será de... braço no ar.

Publicado por Manuel 18:56:00  

2 Comments:

  1. alexandre said...
    É uma democracia mais para o centralista. Sabem-na toda, estes meninos. Francamente, tal como estão as coisas, tanto se me dá. Até apetece asneirar.
    Arrebenta said...
    De Natura PSDeorum

    O P.S.D. é um fenómeno prolongado da sociedade portuguesa: quando se deu o salto de Neanderthal para Cro-Magnon, ele escolheu Neanderthal; quando a D. Tareja apanhou nos cornos do filho, o P.S.D. foi denunciar o filho à Comissão da Condição Feminina, e logo a seguir ocupou os postos decisórios no novo nicho criado pelo agressor; quando houve Inquisição, inquiria e queimava; quando houve liberais, votaram miguelistas; no fim da Monarquia, esqueceu a colaboração, e pendurou-se nos novos tachos da República; no Estado Novo, voltaram a ser neutrais e colaborantes; quando caiu o Antigo Regime, ocupou-lhe imediatamente as sedes todas; na Regionalização, encolheram-se nas suas corruptas cornijas autárquicas; quando houve aborto em Portugal, continuaram a preferir ir fazer "desmanchos" em Londres e Badajoz; quando se falou de casamentos "gay", fugiram todos para as noites longas do Parque e os "call-boys" das redes de telemóveis; em 22 de Janeiro, votaram todos... em... adivinhe!...
    O resultado disto tudo é a Cauda da Europa.

    http://braganza-mothers.blogspot.com/

Post a Comment