Há coisas que nem um sorriso muda


«Os cubanos escolheram um processo revolucionário e quem sou eu para dizer a minha democracia é melhor que a deles?»

JERÓNIMO DE SOUSA, líder do Partido Comunista Português, ao «Público»

Publicado por André 15:21:00  

5 Comments:

  1. O-Naufrago said...
    Eles andam por aí... e com mais azia do que nunca
    Anónimo said...
    Vamos lá a ver... ele tem razão, não tem?
    Quem é ele para dizer seja o que fôr???
    Unreconstructed said...
    Eu acho que o Jerónimo de Sousa tem razão.
    Anónimo said...
    Vamos lá ver se encontramos os termos certos: disseram democracia do Fidel e do Jerónimo?
    Não sei do que estão a falar.
    Camilo said...
    Os "presumíveis" responsáveis do Partido Comunista, continuam a tentar passar-nos os seus mui-pessoais "Atestados de Estupidez"...

    Ao contrário dos "inteligentes" comunistas, felizmente o povo português não tem a mentira nem a incultura política por eles herdada -da qual se servem da forma mais escabrosa- para atingir os seus fins.

    Este "senhor-parasita" não conhece Cuba, o seu sistema político, o modo de vida do povo cubano, as célebres "targetas", o trabalho "voluntário de homens, mulheres e crianças, nem faz ideia como é "continuado", de quatro-em-quatro-anos através do Congresso, o regime de Fidel Castro.

    Quando ouço -e leio- estes "bronco-profissionais da mentira", pergunto-me:

    Até quando a PACIÊNCIA dos portugueses???
    www.broncasdocamilo.blogspot.com

Post a Comment