Soares - o candidato de todos os conservadores

Soares portou-se mal com Alegre, ponto. Dito isto não é por isso, por uma questão de carácter, que será uma má - péssima - opção como Presidente da República, para Portugal e para os Portugueses, é-o, sim, porque não acrescenta nada de novo, não une, mas divide, desestabiliza e sobretudo porque a candidatura de Soares, derivada do mais profundo do aparelhismo e caciquismo partidários, é o pior sinal que se pode dar quando parece óbvio que a maior reforma de que o regime precisa é a do sistema político-administrativo. Soares é o candidato não das apenas das esquerdas mas do status-quo, dos resignados, em suma de todos os os conservadores, já Cavaco, por oposição flagrante, é o candidato das reformas, da modernidade e sobretudo da sociedade civil, é esta que o impõe aos partidos (de cujo jugo se libertou) da direita, e não o contrário, como acontece com Soares .

Publicado por Manuel 17:35:00  

15 Comments:

  1. Direct Current said...
    Apoiado!
    Anónimo said...
    Gostei desse folheto de propaganda.
    O Benfica devia pôr os olhos em si.:-))))))))
    Tonibler said...
    Mas Manuel, PR é, hoje, uma questão de caracter. Por isso MS não será PR.
    Anónimo said...
    Mas de que reformas está a falar?

    Aquelas que nos querem manbdar outra vez para o séc. XIX? Ou de reformas que promovam a igualdade de oportunidades e a justiça social? Não me parece que Cavaco seja adepto destas reformas.

    José Manuel
    Tonibler said...
    Penso que o Manuel se refere às reformas que o Sampaio andou a falar durante 10 anos e que os partidos andaram 10 anos a assobiar para o lado...
    Anónimo said...
    Mário Soares será tudo o que diz, fará tudo o que não deveria fazer e deixará de fazer tudo o que seria necessário. Apesar disso, ele será presidente e Cavaco não. Infelizmente, mas as coisas são o que são.
    Anónimo said...
    è triste ver a qualidade de comentarios, que pretendem tudo
    como dantes, num país, que neste momento tem 12% negativos emtre o
    que o exporta e impota! esse manel do seculo 19, que pensa ele que vai comer no futuro, com Socrates
    e Mario Soares?, que oportunidades de emprego? Mario Soares, è um homem que nunca fez nada na vida, roubou, em Macau, roubou em Portugal, utilizou os amigos, è
    um desacreditado, que outro desacreditado vai buscar!
    Anónimo said...
    Como era de esperar o anónimo anterior não percebeu nada do post e atribui-lhe a intenção inversa da pretendida.
    Acontece que se alguém quiser convencer outros da sua posição seria bom que usasse algum argumento lógico em vez de apenas gritos panfletários. É que esses só convencem quem já está convencido.
    E pelos vistos nem esclarecem quem julgava fazer parte da mesma trupe!
    Anónimo said...
    Ao contrário do que se infere do comentário do José Manuel, o Cavaco é um bom exemplo de quem não teve igualdade de oportunidades: começou por tirar o curso comercial e teve de trabalhar para cursar estudos superiores. Bem ao contrário da esquerda "caviar" personificada pelo monarca Soares!

    Maria João
    Fernando Martins said...
    Será que a Maçonaria (vulgo GOL) já se pronunciou sobre o assunto...?
    Anónimo said...
    Grande discurso e grande bofetada nos seus críticos mais jovens, este de Mário Soares, um espírito jovem com 81 anos.

    Aquela que ele disse que esteve numa manifestação na rua contra a guerra do Iraque vai levá-lo à vitória.

    O povo tem memória e na campanha Soares vai perguntar muitas vezes a Cavaco onde estava nessa altura. Estaria com Durão Barroso, o delfim de Cavaco Silva? Estaria na cimeira dos Açores, com o seu delfim Durão Barroso?

    Fez Cavaco Silva alguma coisa para evitar o desastre de Bush e de Durão Barroso nos tempos que antecederam a guerra do Iraque?

    Suponhamos que nessa altura Cavaco Silva era presidente da República. O que teria ele feito, iria receber Bush nos Açores e dar o aval de Portugal ao disparate que foi a guerra do Iraque? O que teríamos em troca desse apoio a Bush? Provavelmente o que tiveram Aznar e Blair, terrorismo em casa.

    Perceberam, idiotas cavaquistas e portugueses em geral, o que está em jogo na próxima eleição?
    Querem terrorismo em casa por uma causa idiota que não nos diz respeito?

    Cavaco Silva é autor moral da idiotice de Durão Barroso ao apoiar Bush na guerra do Iraque, porque Durão Barroso era o seu delfim. Não venha agora fingir que se distancia da posição de Durão Barroso quanto à guerra do Iraque, porque os portugueses nada viram dele nessa altura e depois.

    Os portugueses não gostam de múmias oportunistas e videirinhas. Gostam de Mário Soares, poque ele enfrenta os toiros quando todos fogem ou ficam calados.

    Viva Mário Soares, um dos mais valentes dos portugueses!
    Viva Portugal!
    Fernando Martins said...
    Ó anónimo do "Grande discurso", não é por repetir os textos que o Soares fica mais novo, menos tremeliques e menos senil... Não é por o Alegre se retirar com honra que o Soares fica com uma atitude mais nobre...

    Real, real, por El-rei de Portugal
    zepovinho said...
    o anonimo das 10:12PM já disse tudo certo sobre o fixe.
    O cavaco silva não tem perfil para presidente da república - é areia demais para a camioneta dele.
    chuta pro tecto said...
    Este nónó/zépovinho é mesmo um percevejo chato com'ó caraças!
    Anónimo said...
    Soares, por duas vezes que foi primeiro ministro, chamou o FMI para pôr as finanças em ordem. E pôs, com a ajuda de Vitor Constâncio e Hernani Lopes. Tem por isso CV nessa matéria.

    Depois, Cavaco Silva, nos (des)governos que teve, deixou um défice nas contas públicas ainda maior do que o de agora. E quem o diz é Miguel Cadilhe, ex-ministro de Cavaco Silva. Até o acusa de ter sido o pai do MONSTRO.

    Em tudo o resto Cavaco Silva perde para Mário Soares, incluindo na célebre farsa da cimeira dos Açores, apadrinhada pelo delfim de Cavaco Silva. E como este aos costumes nada disse nessa altura nem depois (porque também não sabe dizer nada além da tabuada da economia), quer dizer que está de acordo com o que Durão Barroso fez. Ora, para terrorismo em casa a convite de Cavaco Silva por intermédia pessoa(Durão Barroso, seu delfim por ele muito elogiado) bem nos basta o dos incêndios e o que aconteceu em Madrid e em Londres.

    É neste aspecto crucial que Mário Soares vai derrotar impiedosamente Cavaco Silva, já que quanto a finanças Soares tem CV governamental muito superior ao de Cavaco Silva. Resumindo, Mário Soares bate Cavaco Silva em tudo. É o que dá a pseudo-virtude do silêncio...

Post a Comment