Conde d'Abranhos - Sequestrado desde 6 de Abril!


Temia, temia. Recordam-se V.Ex.ªs daquele imbróglio de 6 de Abril?

Cometi então a imprudência de anunciar o meu entusiasmo pela divulgação da vida política e obra mundana do último dos Abranhos e que se espreme no seu patritótico nome - Paulo Orquídea Ferreira Abranhos. Imprudência! Logo pela noite, eu, seu modesto secretário, seria alvo de uma daquelas armadilhas de que apenas um abstencionista não suspeita - o sequestro.

Sim, um sequestro!

«Senhor K. Zagalo, aceita ir por oito dias à Madeira, só uns oito dias?»

A voz do homem, confesso, inspirou-me confiança e, eu que nunca coloquei um pé na Madeira, mal esboçei metade de uma inadvertida anuência, fui interrompido por aquela voz:

«Oito dias, oito dias apenas. O Senhor K. Zagalo terá lá todas as condições para escrever sobre o senhor conde, como aí o Governo da República jamais lhe permitirá!».


Fiquei mudo. Mas como partir, onde ficar, como?

«Tem voo marcado esta noite e viajará acompanhado pelo Presidente»


E foi assim que eu, K. Zagalo, que me tinha por homem experiente e medidor de perigos, apesar de temer as represálias se por acaso ousasse revelar a alma e os propósitos do Estadista Paulo Orquídea, fui forçado a uma longa viagem até ao Vanuatu, nos antípodas!

Pois estas são as minhas primeiras palavras depois de um longo e penoso sequestro. Libertei-me por aquela espécie de casamento que o milagre faz com a artimanha e que, sublinho, eu vi que o Presidente consegue magistralmente como se fosse uma exacta reprodução de um pastorinho de Fátima com voz de trovão. Vou contar tudo, mas não resisto a dizer-vos desde já que, a 6 de Abril, parti com a sensação de me apartar de uma Pátria de tanga muito embora julgasse que o destino seria a Madeira, mas que, hoje, de regresso a 30 de Maio, Portugal me parece um Vanuatu em pantanas.

K. Zagalo
Secretário do MI Sr. Conde de Abranhos,
Sócio efectivo da Academia Lusófona dos Pontos Focais da Ilha de Fernando Pó.
Rua do Espeto
6700-980 Lisboa

Publicado por Conde 08:16:00  

0 Comments:

Post a Comment